terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Invenções

Particularmente eu acho que a melhor invenção de 2009 foi a cervejinha da Skol.

Sério.

Aliás, enquanto não inventarem a cura pro rebolation, eu vou continuar achando a melhor invenção dos últimos tempos.

Veja um exemplo:

Chego eu, o macho alfa do 2 de julho, em Salvador sedento por uma cerveja.

Há Pablo, mas hoje é terça ainda e vc já tá sedento? Respondo: É. Depois do consumo industrial da semana passada o ritmo de volta ao processamento hepático tem que ser gradual. Além do que, eu não sou amador pra só beber fim de semana. E tem também aquela desculpa do: Vai tomar no cu porque eu bebo se eu quiser.

Voltando:
Chego eu, sedento e nenhuma cerveja gelada. Isso já seria motivo de divórcio, mas eu tinha cervejinhas.

Tirei a carne do congelador, enchi das tais pequenas pedras preciosas e fui ao banheiro. Trinca pronta, voltei e a cerveja tava lá - geladinha.

Notadamente esse sempre foi um desejo meu, quiçá do homem moderno, alguma coisa que realmente me obedecesse. Fica gelada rápido que eu tô com sede. E pá.

Pensando bem, veja a que ponto pode chegar uma alma ressequida, feliz por ter seu anseio alcoólico atendido. Acho que esse post me denuncia como toxicomano, dependente químico, maluco paranóico, ou algo que o valha.

Sem mais, subscrevo.

5 comentários:

Milinha disse...

Tú é pinguço mesmo...

Dani disse...

Gela tão rápido quanto acaba rsrs
Abraço

Juliana Rocha disse...

DOENTE!

disse...

o carnaval foi um sucesso!!
meu din din nao acabava nunca por causa da latinha de 1 real!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Skol Web disse...

Pô Pablo, massa que tu curtiu a nossa Redondinha :D

Já viu a propaganda da TV, que engraçada? http://www.youtube.com/watch?v=guCsPw-fr_4

Valeu, cara!
Abs,